Dachshund bobblehead: Google doodle em icônica boneca de cachorro Weiner


Uma cabeça bobble, também conhecida como nodder, wobbler, é um tipo de boneca colecionável. Sua cabeça costuma ser superdimensionada em comparação ao corpo. Crédito da imagem: Google doodle
  • País:
  • Estados Unidos

O Google hoje dedicou um doodle a Dachshund bobblehead , uma icônica boneca de cachorro weiner com uma cabeça trêmula com mola que se originou na Alemanha como um acessório de veículo amigável.

A primeira referência verificável à raça remonta a esta data em 1723, com a sua inclusão no livro de Johann Friedrich von Flemming 'Der vollkommene teutsche Jäger' ('The Complete German Hunter').

Um bobblehead, também conhecido como nodder, wobbler, é um tipo de boneca colecionável. Sua cabeça costuma ser superdimensionada em comparação ao corpo. Em vez de uma conexão sólida, sua cabeça é conectada ao corpo por uma mola ou gancho de tal forma que um leve toque fará a cabeça balançar, daí o nome.



O dachshund há muito é reconhecido como um símbolo alemão popular. Esse status especial só foi fortalecido na década de 1970 com a fabricação dos primeiros bobbleheads daschund, carinhosamente conhecidos em alemão como 'Wackeldackel' - ou 'dachshund oscilante' em inglês. Os agradáveis ​​caninos logo poderiam ser encontrados empoleirados no painel traseiro dos carros tradicionais alemães, acenando com a cabeça a cada curva e solavanco na estrada.

data de lançamento da 5ª temporada de cobra kai

Durante o século XVII, foram produzidas na Ásia estatuetas de Buda e outras figuras religiosas chamadas de 'cabecinhas de templos'. Acredita-se que a referência ocidental mais antiga a um bobblehead esteja no conto de Nikolai Gogol de 1842, 'O sobretudo', no qual o pescoço do personagem principal era descrito como sendo 'como o pescoço de gatos de gesso que balançam a cabeça'.

Durante o século XIX, bobbleheads de porcelana bisque estavam sendo feitos em quantidades limitadas para o mercado dos Estados Unidos. Muitos dos bobbleheads nos Estados Unidos foram produzidos na Alemanha, com um aumento nas importações durante as décadas de 1920 e 30. Na década de 1950, os bobbleheads tiveram um aumento substancial em popularidade, com itens feitos de plástico ou porcelana bisque.

Depois que o Wackeldackel foi apresentado em um anúncio alemão do final dos anos 90, o bobblehead voltou a ganhar destaque com mais de 500.000 unidades vendidas em apenas oito meses.