Oficial: 240 presos desaparecidos após a fuga da prisão na Nigéria

Assaltantes atacaram uma prisão no centro-norte da Nigéria com explosivos e tiros à meia-noite, matando dois oficiais de segurança e deixando 240 presos ainda desaparecidos na segunda-feira, disseram as autoridades. instalação no estado de Kogi.


  • País:
  • México

Assaltantes atacaram uma prisão no centro-norte da Nigéria com explosivos e tiros à meia-noite, matando dois oficiais de segurança e deixando 240 presos ainda desaparecidos na segunda-feira, disseram as autoridades.

Ministro do InteriorOgbeni Rauf Aregbesola disse que dois outros oficiais de segurança permaneceram desaparecidos após a violência na penitenciária em Kogi Estado. Uma força-tarefa foi criada para recapturar os presos, acrescentou.

Os homens armados destruíram três lados da cerca do perímetro da prisão com explosivos e, em seguida, superaram uma equipe de 35 agentes de segurança, disseram as autoridades. A prisão tinha 294 reclusos, mas alguns não tentaram fugir e outros regressaram voluntariamente na segunda-feira de manhã.



O ataque de domingo marca a segunda fuga da prisão este ano na Nigéria , A nação mais populosa da África. As autoridades não acreditam que os incidentes estejam conectados, já que a fuga de abril foi atribuída a separatistas pró-Biafra no sudeste. Cerca de 1.844 presidiários foram libertados durante aquele violento ataque no Imo Estado.

Duas outras fugas de prisões ocorreram no sudoeste do país no final do ano passado, em meio a protestos nacionais contra a polícia.

(Esta história não foi editada pela equipe do Top News e é gerada automaticamente a partir de um feed distribuído.)